ATENDIMENTO (49) 3441 2801
Já possui uma conta? Entrar | Cadastre-se

Faça login

Caso você ainda não possua uma conta, faça o seu cadastro. É rápido, fácil e garante acesso a diferentes serviços.

Cadastre-se

Caso você ainda não possua uma conta, faça o seu cadastro.

 

Divulgação.
Uma gestão sem promessas
Novo prefeito de Ipumirim, Nei Schimidt, diz que pretende fazer uma gestão com ações que podem ser executadas.
Publicado 01/01/2017
 

Por Jocimar Soares

Uma gestão sem grandes promessas e com cautela. Essa é a tônica do governo do prefeito Volnei Schmidt, frente a prefeitura de Ipumirim, que inicia neste domingo dia primeiro de janeiro de 2017. A entrada de Schmidt no comando do maior município do Vale da Produção marca a continuidade, já que ele esteve na condição de vice de Valdir Zanella nos últimos oito anos. Zanella que agora será o Secretário Municipal da Saúde.

Em entrevista a Rádio Aliança, Nei Schmidt afirma que pretende fazer uma gestão sem grandes promessas, em função da crise econômica. "A gente sabe das dificuldades que tem. Não sou de fazer promessas desde que entrei na vida politica. Se prometeu, tem que cumprir! Senão você é cobrado pela população", raciocina.

A meta de austeridade também significa nesse momento cortar na própria carne. Schmidt, que já nomeou os secretários para o seu governo, diz que pretende nesse momento fazer uma gestão mais enxuta. Para isso, ele diz que não pretende nesse momento definir os ocupantes do segundo escalão. "Ao todo são 28 cargos comissionados no segundo escalão e sem previsão para nomeá-los. Sei que tenho compromissos políticos, mas não posso nomear sem uma garantia financeira", destaca o novo prefeito de Ipumirim.

COMENTE