ATENDIMENTO (49) 3441 2801
Já possui uma conta? Entrar | Cadastre-se

Faça login

Caso você ainda não possua uma conta, faça o seu cadastro. É rápido, fácil e garante acesso a diferentes serviços.

Cadastre-se

Caso você ainda não possua uma conta, faça o seu cadastro.

 

Foto: Divulgação/Ascom/Prefeitura de Concórdia.
Primeira parcela do IPTU de Concórdia vence em 15 de março
Ainda não está definida a data para o início da entrega dos carnês e para a liberação da impressão do boleto pelo site.
Publicado 06/01/2017
 

Por Jocimar Soares

A equipe da Secretaria de Finanças da Prefeitura de Concórdia trabalha nos cálculos e elaboração dos carnês do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU). A primeira parcela e parcela única do tributo vence no dia 15 de março, mas ainda não está definida a data do início da entrega dos carnês, que deve ocorrer no fim de fevereiro ou início de março. O secretário de Finanças, Jacir Mazocco, informa que estão sendo feitos os testes nos boletos, que devem ir para a gráfica até o fim da próxima semana. “Estamos fazendo todos os encaminhamentos para agilizar o processo, mas dependemos também do tempo de impressão”, esclarece.

O IPTU, conforme valores lançados e aprovados na Lei Orçamentária Anual (LOA), deve gerar uma receita de aproximadamente R$ 8,5 milhões aos cofres municipais. Serão impressos 37 mil carnês, que seguindo a prática dos anos anteriores, serão distribuídos no térreo do centro administrativo. Assim que os carnês forem liberados à entrega, também será liberada a impressão deles por meio do site da Prefeitura de Concórdia (www.concordia.sc.gov.br). O contribuinte terá que inicialmente se cadastrar na página e gerar uma senha. Será permitida a impressão dos carnês somente aos proprietários.

Os contribuintes poderão optar em pagar o imposto em parcela única, no dia 15 de março, com desconto de 10% sobre o imposto (taxas não inclusas). Ou ainda parcelar o IPTU em seis vezes (de março a agosto). O imposto deste ano não sofrerá reajustes, terá apenas a correção da Unidade Fiscal de Referência (UFIR), que é de 7,38%. Assim, em 2017, o valor da UFIR será de R$ 3,46. Segundo a Secretaria de Finanças, a inadimplência dos contribuintes concordienses, quanto ao IPTU, é baixa e não chega a atingir os 10%. Um mês antes da primeira parcela da IPTU, em 15 de fevereiro, haverá o vencimento da primeira parcela do Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISSQN), que é pago pelos empresários em 12 parcelas. Já os alvarás, que são encaminhados aos contadores (quem não tem contabilidade precisa retirar o tributo na prefeitura), vencem também em 15 de março.

(Fonte: Edila Souza/Ascom/Prefeitura de Concórdia).

 

COMENTE