ATENDIMENTO (49) 3441 2801
Já possui uma conta? Entrar | Cadastre-se

Faça login

Caso você ainda não possua uma conta, faça o seu cadastro. É rápido, fácil e garante acesso a diferentes serviços.

Cadastre-se

Caso você ainda não possua uma conta, faça o seu cadastro.

 

Foto: Édila Souza/Ascom/Prefeitura de Concórdia.
Confirmado: Concórdia terá Carnaval de rua e salão
Prefeitura irá bancar custos de estrutura para o desfile de rua e repassar prêmio de participação a cada escola.
Publicado 10/01/2017
 

Por Jocimar Soares

Concórdia terá o desfile de Carnaval de rua e o incremento do Carnaval de salão neste ano. Esta foi a decisão tomada em conjunto pelas escolas de samba de Concórdia e Liga Independente das Escolas de Samba de Concórdia, que estiveram reunidas com integrantes da Administração Municipal e o vice-prefeito Edilson Massocco, no fim da tarde desta terça-feira, 10. Todos aguardavam uma definição sobre a proposta financeira entregue ao prefeito Rogério Pacheco, em reunião na última quinta-feira, dia 5. Mesmo com dificuldades financeiras e orçamento apertado a prefeitura vai custear a infraestrutura necessária para o desfile de rua – aproximadamente R$ 42 mil - e repassar um prêmio de participação às escolas, que será de R$ 18 mil cada.

O vice-prefeito, Edilson Massocco, deixou clara a intenção da Administração Municipal em manter o Carnaval, mas adiantou que mesmo o valor sendo bem abaixo do que era aguardado pelas escolas, ajudará no fortalecimento do evento, que no próximo ano poderá estar ainda maior. “Oferecemos o que era possível, para que as escolas consigam desfilar e iniciem um planejamento imediato para o Carnaval de 2018”, destacou Massocco. Outro impasse em torno da realização do Carnaval era a forma legal a ser adotada pela prefeitura para fazer o repasse às escolas. Mas a assessoria jurídica informou que o repasse do prêmio de participação será feito diretamente a cada escola que entrar na avenida e a contratação da infraestrutura – sonorização, serviço de vigilância e sanitaristas – será por meio de licitação direta com fornecedores. Assim, a contribuição financeira da prefeitura para o evento deve ser de pouco mais de R$ 100 mil, sendo que o pedido inicial era cinco vezes maior, pois esteve baseado nos investimentos feitos no último ano.

A grande novidade ficará por conta do Carnaval de salão. A proposta é manter o desfile no Parque de Exposições, mas inicialmente sem a estrutura de arquibancadas, que ainda será reavaliada em caso da confirmação de recursos estaduais, direcionados ao evento. Assim, o público que assistirá aos desfiles – que neste ano deve ocorrer somente em uma noite, com data ainda a definir - terá um atrativo adicional: o baile de Carnaval a ser realizado no Centro de Eventos, em duas noites. O Carnaval de Salão está sob a responsabilidade da Liga das Escolas, que definirá atrações e programação. Uma reunião entre as três escolas participantes e a Liga, na próxima sexta-feira, 13, definirá detalhes e formato dos desfiles. A intenção é unir forças neste momento de dificuldades financeiras para que o Carnaval de Concórdia não “morra”.

(Fonte: Edila Souza/Ascom/Prefeitura de Concórdia).

COMENTE